COMO OUVIR A RADIOWEB CARLÃO MARINGÁ

PARA OUVIR A RADIO CARLÃO MARINGÁ, BASTA CLICAR NO PLAY ABAIXO DA FOTO DO CARLÃO.

sexta-feira, dezembro 29, 2006

Quem sabe 2007

Gente, as postagens irá dimunuir a partir de hoje, pelo fato que eu estarei viajando com minha familia, mas a partir de terça-feira irá retornar ao seu rítimo normal. Aproveitando a oportunidade, queria desejar a todos vocês, aqueles que estão me incentivando, aqueles que estão criticando, aqueles que estão assistindo...um feliz ano novo e que todos os seus desejos se realizem neste novo ano que inicia.
"Quem não olha para o passado, não consegue projetar o futuro"

Nossa, Como ela está ABBAtida

O que falar do grupo ABBA, não tem....meu Deus, como eu dancei de rosto colado, quanto xaveco, quanto beijo na boca...hum, hum...bem vamos ao que interessa, nem precisa falar do sucesso desse grupo, mas eu vou, em outra oportunidade defender o ABBA e os demais grupos e cantores da década de 70 que foram injustiçados por toda uma geração, por causa de um único filme...bom depois eu falo, mas o que importa é que durante a gravação deste clip,o grupo estava praticamente de separando, por isso o olhar de tristesa da vocalista, não é atuação do clip, era tristesa mesmo, real, não só da separação do grupo, mas também pela seperação seu casamento com o integrante do grupo.

quinta-feira, dezembro 28, 2006

"Perdidos no Espaço" completa 40 anos no Brasil

Em dezembro de 1966, há exatos 40 anos, a série clássica Perdidos no Espaço estreava na televisão brasileira através da TV Record - canal 7 de São Paulo. As exibições eram semanais, sempre às 18h30 dos domingos, logo após o programa "Jovem Guarda". Haviam ainda reprises às quartas-feiras, 15h.
O sucesso da série foi imediato e as reprises se alongam até hoje, tendo passado pela TV Globo (1970), TV Tupi (1977), TV Bandeirantes (início dos anos 80), TV Gazeta de São Paulo (1988), TV Record (de volta em 1990), Fox (1993) e FX (2005).
A Série
Perdidos no Espaço (Lost in Space) foi produzido nos EUA por Irwin Allen, considerado o mestre do cinema-catástrofe. O seriado foi ao ar originalmente nos EUA entre 1965/68, com 83 episódios em três temporadas. Mostra as aventuras espaciais da família Robinson, escalada pelo governo americano para colonizar o planeta habitável Alfa Centauri, já que a Terra está super-populada em 1997, ano em que se passa a trama. Porém, no dia do lançamento da nave Júpiter II, o sabotador Dr. Smith fica preso à nave e acaba partindo junto com a tripulação. O peso extra fez com que a nave saísse de sua rota e fosse danificada ao enfrentar uma tempestade de meteoros. A partir de então, o casal John (Guy Williams) e Maureen Robinson (June Lockhart), seus filhos Judy (Marta Kristen), Penny (Angela Cartwright), Will (Billy Mumy), o piloto Major Don West (Mark Goddard), o Robô B9 (Bob May) e o Dr. Smith (Jonathan Harris) estão literalmente perdidos no espaço, enfrentando criaturas e situações muito perigosas.

Morre o lendário Joseph Barbera

O lendário desenhista Joseph Barbera morreu segunda-feira (18) aos 95 anos. A informação foi divulgada pelos estúdios Warner Brothers, responsáveis pelo legado televisivo da dupla de desenhistas Hanna-Barbera.
A morte ocorreu por causas naturais. Barbera estava em sua casa, ao lado da mulher, Sheila, em Los Angeles. Ele deixou três filhos de um casamento anterior.
Junto do parceiro William Hanna, morto aos 90 anos em 2001, Barbera criou alguns dos mais famosos personagens da história da cinema e da TV, como Os Jetsons, Scooby-Doo, Os Flintstones, Tom e Jerry e Zé Colméia.
"Joe sobreviverá através de todos os trabalhos que deixou", disse o CEO da Warner, Barry Meyer, ao comentar a morte do artista.
Hanna e Barbera conquistaram imenso sucesso com seu primeiro grande projeto, o desenho animado Tom e Jerry. As clássicas brigas e perseguições do gato e do rato famosos renderam à dupla um total de sete Oscars, marca inédita para qualquer série de produções de Hollywood com os mesmos personagens. Os parceiros se conheceram nos anos 30, nos estúdios MGM. Depois de Tom & Jerry, criaram numerosos desenhos de sucesso no mundo todo, como os das famílias Flintstones (da idade da pedra) e Jetsons (do futuro) e da turma do cachorro Scooby-Doo.
A série animada Os Flintstones foi um grande sucesso de audiência nos EUA. Entrou no ar em 1960. Foi a primeira série de animação a ocupar o horário nobre. Segundo a Warner Bros., atualmente é exibida em mais de 80 países.
Alguns anos antes de morrer, William Hanna disse que nunca foi um grande artista, mas que seu eterno parceiro Barbera "era capaz de capturar o humor e a expressão em um rápido esboço melhor que qualquer um" que ele já havia conhecido.
"A contribuição de Joe (Barbera) tanto para a indústria da animação como para a indústria televisiva é sem paralelo - ele foi responsável pelo entretenimento de milhões de espectadores ao redor do mundo", disse o amigo e presidente do setor de animações da Warner, Sander Schwartz.

Joseph Barbera (esq.) e William Hannaposam em 1988 entre suas criações.

Que chapéu é esse ?

Esta série nem precisa de muito comentário, foi uma das mais assitistas no Brasil, tendo até hoje uma legião de fãns. Ela fugiu do westerns tradicionais americanos, mostrava a colonização dos Estados Unidos e toda as suas dificuldades, principalmente com os índios. Vou dar uma dica: Já saiu uma 2 caixas (Box), com a série completa e que vocês poderão encontrar nos sites de compras, é claro...eu já comprei a minha. Haaaa. ia me esquecendo...o ator principal Fess Parquer, ainda está vivo e é um fabricante de vinhos...Mas eu Acho que até hoje todos o chamam de DANIEL BOONE.

Responsável por muitos casamentos

Gente...eu sempre vou citar filmes que fizeram nossa história, e é claro os cinemas de Maringá, principalmente o Cine Horizonte, que foi o causador de muitos namoros e até casamentos. E como não lembrar da Gigliola Cinquetti cantando "DIO COME TI AMO", do filme de mesmo nome....não foi da minha época, mas houve um período em que o Cinema reprisou os filmes que fizeram mais sucesso, aí eu pude assistir essa raridare na tela grande.

quarta-feira, dezembro 27, 2006

Quem é esse Chinês magrelo ?

Em 1965, um chinês desembarcou nos Estados Unidos com um sonho na cabeça, trazer para o ocidente uma arte marcial desconhecida até então, o Kung Fu. Ele montou uma academia e começou a se apresentar em torneios de artes marcias, em um destes torneios estava presente um produtor de televisão que ao ver sua apresentação ficou espantado, e imediatamente o convidou para trabalhar em uma série de Tv, ficando mais feliz ainda ao saber que ele também era ator em Hong Kong. A série iniciou em 1966, e contava a história de um herói mascarado e seu ajudante, o herói não era o chinês, ele era o ajudante, a série se chamava "O BESOURO VERDE", só que no transcorrer da série, o chinês tomou conta da atenção de todos os fãns, produtores, atores, do diretor...enfim, causando um ciúme muito grande do ator principal VAN WILHANS. Logo surgiram pedidos de muitos atores de Holywood para aprender esta arte marcial nova. Depois que a série acabou, ele voltou para Hong Kong muito triste, pois haviam lhe prometido o papel principal em outra série, e que se chamaria "KUNG FU", mas deram o papel para outro ator que não sabia nada o que era o tal de Kung Fu. Na china ele acabou realizando 3 filmes que acabariam se tornando sucessos mundiais. Resumindo....os Estados Unidos acabou se rendendo a ele, e o chamaram para atuar em um filme nas terras do tio Sam. Gente o nome do chinês era BRUCE LEE, e esta série foi seu primeiro trabalho, e onde pela primeira vez ficamos sabendo o que era o tal de Kung Fu.

Banana Split que não era o sorvete

Quando eu ví esta série pela primeira vez, eu tinha 6 anos, morava na zona rural de Maringá, lembro que éra um sábado a tarde, A Tv havia anunciado uma série infantil chamada "BANANA SPLIT", naquele período nós nem conhecíamos nem o sorvete, quanto mais do que se tratava a série, quando liguei aquela Tv colorado RQ (a válvulas) ví...me apaixonei...não só pelos bonecos, mas porque a série tinha desenhos animados e uma série específica dentro do programa, então,não era só uma série, mas várias dentro do programa, Havia os desenhos: CAVALEIROS DA ARÁBIA, OS TRÊS MOSQUETEIROS, e a série: A ILHA DO PERIGO, nossa....como era bom.

Ênio e Beto

Aí está uma cena de "VILA SÉSAMO" com ÊNIO e BETO, impagável....muito legal.

Abertura de Vila Sésamo

Muita gente está me pedindo cenas de "VILA SÉSAMO", por isso vou começar com uma das aberturas (Já que foram duas produzidas). Também colocaremos cenas do ÊNIO e BETO, vocês verão a diferença dos programas infantís daquela época com os de hoje, principalmente na pedagogia do aprendizado utilizado nestes programas.

Cena inédita de Elvis Presley cantando "Yesterday"

Muita gente sabe que eu sempre gostei dos anos 60, principalmente do ELVIS, por isso o Blog terá muitas novidades sobre "O Cara". Elvis fez 33 filmes, 3 deles foram shows e todos fizeram muito sucesso na época, mas um dos que mais fizeram sucesso foi "ELVIS É ASSIM" (Não lembro o título em inglês), mas o que importa, é que muitos filmes como este contam com muitas horas de gravação, e nem tudo foi inserido nos fimes, existe muitas cenas que foram excluidas, e que hoje são verdadeiras pérolas, como esta onde Elvis canta "Yesterday" dos Beatles. A cena foi gravada durante o ensaio para o seu primeiro show de volta aos palcos em 1969. (reparem a brincadeira que ele faz no final da música).

Lembra das danças lentas de rostinho colado ?

Este clip é do conjunto "CARPENTERS", é muito lindo, e para quem não sabe a vocalista Karen Carpenter, falaceu no ano de 1983 e é considerada a voz feminina mais harmoniosa que surgiu, sua voz é suave quase uma carícia para os ouvidos. Sua Morte foi causa de muita polêmica na época, pois ela morreu de anorexia, doença muito comentada na atualidade, mas naquela época ninguém conhecia, e foi a partir de sua morte que os médicos voltaram suas atenções para o problema. Este vai para uma amiga de Londrina muito especial.

Comments

O blog está fazendo o maior sucesso, mas é claro que alguns dos comments que estão surgindo, principalmente nos blogs que anunciaram, criticam, mas vou deixar claro, o Blog foi criado para os apreciadores do tema, quem não gosta não precisa entrar. Estão até atacando minhas ideologias, gente....crítica é muito bom, faz a gente crescer e aprender...agora que seja crítica inteligente, falar mal só por falar, ou por não ter o que fazer, por favor.

Pedidos

Algumas pessoas já estão entrando em contato para solicitar pedidos, fico muito feliz pela aceitação do blog, e gostaria de informar, que eu estou a disposição para pedidos relacionados a séries antigas, aberturas de novela, clips musicais antigos etc, posso dar (na medida do possível) até informações sobre sua série ou séries favoritas, curiosidades, se os atores ou cantores continuam atuando ou se faleceram, resumindo, fico a disposição de vocês, ok?

Você se Lembra da lambreta do Mederix ?

O ano era 1976, e por incrível que pareça, minha familia havia comprado um sítio na cidade de Terra Boa, e não havia energia elétrica no local, por isso, a tristesa maior foi não assistir a novela mais comentada de todos os tempos "ESTÚPIDO CUPIDO", mesmo sendo criança, ficava maluco pois o tema da novela era o que eu mais gostava, os anos 60. Muitos anos depois, ví poucas cenas no programa "Video Show", mas até hoje eu não me conformo, por isso, veja a abertura da novela, e você, que teve a oportunidade de ver, e quem como eu não teve, ou nem era nascido, veja e mate a saudade.

terça-feira, dezembro 26, 2006

Saudades do Cine Horizonte

Passeando pelos blogs, ví este artigo no blog toscorama, artigo este retirado do livro de Osvaldo Reis "1947 - 2004 A história em conta-gotas", e me lembrei do Eterno Cine Horizonte. Por isso coloquei a abertura do filme "DJANGO", com Franco Nero, para relembrar este tempo. Esta vai para o Edson Lima, também saudosista como eu.

O passado do cinema maringaense
“O primeiro cinema da cidade era o Cine Primor, em 1948, no Maringá Velho, dois anos depois, incendiado quando exibia o filme “Brutalidade”, com o ator Burt Lancaster. Na mesma época surgiu (no Maringá Novo), o Cine Maringá, o proprietário era Odwaldo Bueno Neto. Para assistir às exibições, o espectador precisava levar cadeiras já que o cinema não possuía (não só cadeiras, mas nenhuma infra-estrutura)...O cinema era das pouquíssimas diversões no início da vida de Maringá, em razão de nossas abundantes matas e bichos ainda existentes, os filmes de Tarzan quase sempre anunciados que eram filmados na África faziam muito sucesso... Maringá também teve um Tarzan, o senhor Antônio Del Grossi, proprietário do Cine Horizonte (na época de madeira) fez um filme sobre o “Rei das Selvas”, também chamado “homem macaco”. O cenário (ou a África daqui): a mata onde hoje é o Parque do Ingá, o famoso meio de transporte do personagem, os cipós, eram cordas de sisal pintadas de verde, onde o Tarzan interpretado por um sujeito magricela, apelidado curiosamente de Tarzan com direito a grito e tudo, viajava de uma árvore à outra, fazendo a alegria dos espectadores. O filme (curta metragem) era frequentemente exibido sempre com sala cheia no Cine Horizonte, o cinema de seu produtor e diretor”

Elvis Cover está mais Elvis que Cover


Gente, vocês sabiam que o Edson Galhardi (Elvis Presley cover), acabou de receber 2 trajes utilizados em seus shows, que foram confeccionados pela mesma empresa que fabricou os trajes utilizados pelo próprio Elvis Presley, o cara não é fraco não, eu nem vou falar o preço, mas segundo Edson, os trajes são fantásticos, cópias fiéis dos que o Elvis usou em seus Shows no ano de 1972. Agora estamos esperando que ele venha para Maringá para realizar o seu projeto "ELVIS 30 ANOS", com um show especial, e é claro, com os novos trajes.

Carlão

segunda-feira, dezembro 25, 2006

Natal: Amado e detestado






Fico pensando em todos os momentos que anteciparam este Natal, a alegria, as festas em familia, a mídia como um todo, tudo girando neste clima de paz, amor, fraternidade e etc. Mas o que acontece com aquelas pessoas que por um motivo ou outro, estão sózinhas, em seu "canto", simplismente sendo "espectadores" de um bombardeio de "espíritos natalinos". Veja por exemplo, o que aconteceu na noite de Natal, na programação do "Fantástico": Links por todo o Brasil mostrando a ceia natalina de diversas famílias. Agora, se imagine sózinho, sem amigos, sem familia, dentro de uma sala ou quarto, assistindo tudo aquilo, e nos intervalos, comerciais de Natal onde sempre é mostrado pessoas ao lado de amigos e familiares, gente, isso é um verdadeiro convite ao suicídio. Eu acho que não estou sendo pessimista, mas isso acontece por todo o mundo, e não há como evitar. Para mim a única coisa que podemos fazer, é em algum momento desta noite tão especial, baixar nossas cabeças, orar, e pedir a DEUS por todas as pessoas que padecem de solidão, principalmente neste período, e que DEUS possa confortar seus corações e mostrar que JESUS menino está alí, pertinho, bem do lado da Tv.



Carlão

Série da semana "Perdidos no Espaço" l966


Quem não se lembra dessa série?

Cena histórica do cantor Del Shannon cantando "Runaway" 1965

Apresentação


Eu sou o Carlão (Carlos Augusto Ferreira), a partir de agora, faço parte do mundo dos Blogs. Este Blog estará mais direcionado ao entretedimento, mas também não deixarei de colocar minha opinião a cerca de temas atuais. Muitos já sabem, que eu sou colecionador de séries antigas de Tv, por isso, teremos muitas coisas a apresentar para as pessoas que também apreciam este tema. Iremos colocar também muita música "boa". Espero que gostem, e me desculpem os erros de português e concordância, pois não sou formado em letras. Uma das novidades, será a abertura de uma série antiga de Tv por semana, onde vocês poderão matar a saudade de sua infância, que como eu, ficava colado na Tv. Espero que gostem.

Carlão