COMO OUVIR A RADIOWEB CARLÃO MARINGÁ

PARA OUVIR A RADIO CARLÃO MARINGÁ, BASTA CLICAR NO PLAY ABAIXO DA FOTO DO CARLÃO.

quarta-feira, janeiro 31, 2007

Minha primeira bicicleta

Qual é a criança que não quer ganhar uma bicicleta, todas, até hoje, então comigo não foi diferente, lembro que até fiquei doente, meus pais não tinham condições, mas o que os pais não fazem pelos filhos. Como eu já falei aqui no blog, minha familia morava na zona rural, e nós não tínhamos condições, a vida era díficil (Quantos pais, não sofrem por não poder dar o que os filhos pedem), com os meus, não foi diferente, mas.....eles compraram minha "MONARK", uma monareta azul, não sei se vocês lembram desta bicicleta, mas, sabem como eles compraram? Venderam uma vaquinha que eles tinham, o nome dela, não me esqueço até hoje "Mocha", e não vou me esquecer nunca, de onde veio a minha primeira bicicleta, e do sacrifício dos meus pais para agradar o filho.

Chuva de dinheiro

Quando se é criança, qualquer coisa, por mais boba que seja,pode traumatizar, e o final da novela "PECADO CAPITAL", onde o Francisco Cuoco morre baleado com a mala cheia de dinheiro, me traumatizou. A cena eu vou colocar mais tarde, agora vou postar a abertura da novela, que para mim foi uma novela até que legal, não tomou minha atenção, agora o final.....socorro, gente isso foi em 1975 né.

terça-feira, janeiro 30, 2007

Este LOBO pode uivar a vontade

Eu sempre ouvia falar em um cantor chamado "LOBO", quando eu era criança, claro, o nome era diferente, mas eu fui mesmo conhecer o cara, depois que eu comprei um disco de viníl dele, nossa, gostei muito, o cara tem uma voz muito suave. Esta música que ele canta neste clip, eu a dencei muito na minha juventude, nos bailinhos das casas, o viníl rodando num 3 em 1, aquela luz comum pintada de vermelho para dar um "clima", e os barulhos dos pés batendo nos tacos de madeira das casas, a tão esperada seleção de músicas lentas, pois era dalí que os namoros começavam, disse namoro, não o "ficar" de hoje, gente que saudade, eu dúvido, que alguém da minha faixa etária dos 35 aos 50, não faz uma viagem rápida para o seu passado ouvindo uma música dessas, e não lembrar talvez de um amor que ficou para traz, perdido no tempo e nas lembranças.

segunda-feira, janeiro 29, 2007

Tecido de cobrir caminhão

Sabe gente, uma das coisas que mais me deixavam triste na minha infância e adolescência, era não ter condições de comprar determinados produdos que apareciam (bom isso acontece muito hoje com muitas crianças neste país), um deles era a calça jeans "USTOP", essa era a marca mais conhecida nos anos 70, não acho que ainda é fabricada, ano passado fui a Curitiba e entrei em uma loja bem antiga, e encontrei num estoque velho, mas o preço era para colecionador mesmo, daí não deu né....mas para exclarecer, depois eu pude ter muitas delas, a durabilidade era muito longa, era um jeans muito grosso, parecia lona de cobrir caminhão e caía muito bem no corpo, vamos então, matar a saudade.

Lembra Dessa?




A série U.F.O. era uma produção inglesa da ITC - Incorporated Television Company, criada em 1968, mas somente foi ao ar em 1970. As histórias eram situadas no futuro ano de 1980 época em que a Terra está sendo invadida por seres alienígenas que fogem de seu planeta, próximo a Alfa Centauri, o qual está desaparecendo, para buscar na Terra condições de vida. Eles criam condições para se adaptar no novo mundo, como por exemplo, conseguir respirar o ar poluído. Devido a composição de seus corpos ser semelhante a do ser humano, eles sequestram e roubam órgãos humanos para implantarem em seus próprios corpos já que eles não conseguem reproduzir ou regenerar órgãos danificados. Capazes de viver por muitos anos mais que os humanos, na eminência da morte, envelhecem rapidamente. Sem que a população da Terra saiba disso tudo, foi criada uma organização de defesa, a SHADO, que opera secretamente em vários pontos estratégicos: na Terra, fica abaixo de um estúdio de cinema abandonado, também na Lua e nas profundezas do oceano. Criada por Gerry e Sylvia Anderson, os mesmos responsáveis pelas séries de marionetes como Thunderbirds e Joe 90, entre muitas outras que falarei mais tarde, U.F.O. era estrelada por Ed Bishop e George Sewell, entre outros. A série teve apenas 26 episódios exibidos em uma temporada, a qual já foi lançada em DVD nos Estados Unidos, Inglaterra, Canadá, Alemanha e França. Por aqui, duvido que chegue, já que não é exibida há séculos e, portanto não é tão popular como outras que vivem reprisando. Vamos ver a abertura, me amarro na musiquinha.

De gatinhas a Panteras

Sobre esta série nem precisa falar muito, o sucesso foi enorme, tanto no Brasil, como no mundo, também, com essas três beldades era impossível não fazer sucesso. Eu assistí os dois remakes que fizeram, legal, até que não é ruim, mas sem comparação com os nossos "amores". Mas vamos as curiosidades: A uns 15 anos atráz, foi feita uma pesquiza para saber qual seria a mulher mais bonita do mundo, pesquizaram no mundo todo, que olhos, nariz, boca, cabelos, etc, que seria da mulher ideal, quem ganhou? Jaclyn Smith, e realmente ela é linda. A curiosida triste, é que Farrah Fawcett (que na época era casada com Lee Majors), está hoje lutando bravamente contra um câncer, tomara que ela cansiga vencer, já o ator David Doyle já é falecido, então com vocês...AS PANTERAS.

Bee Gees again

Gente este clip dos BEE GEES, é para atender ao pedido de um leitor, lembrando que o meu filho e sobrinho também cantam esta música, particularmente, eu acho esta música muito legal, ela é de 1987.

domingo, janeiro 28, 2007

Deixem a Disco Music em paz

Como eu entrei na fase das defesas, também vou defender não um artista, ou um fime, ou série, mas sim, um estilo musical que reinou por um grande período, e que hoje, por causa de um simples filme, ficou ridiculariazado. Estou falando da DISCO MUSIC. Gente eu era adolescente nesta época, mas pude curtir muito nas discotecas da cidade de Maringá, Mas, o que acontece hoje, vou tentar resumir. Hoje, quando você vai em alguma festa, ou baile de formatura e começa uma seleção de musica Disco, todos começam a dançar, como se fossem homosexuais, nada contra esse pessoal, mas ligar música Disco com homosexualismo, aí não. Vocês sabem como isso começou? Vou explicar, a alguns anos atraz, não me lembro quando, saiu um filme chamado "Priscilla, a rainha do deserto", onde contava a história de algumas "Drags", só que, a trilha sonora do filme era repleta de música Disco, principalmente do ABBA, o filme fez sucesso, daí em diante este estílo de música voltou, só que, com a roupagem mais voltada para o homosexualismo, por causa do filme. Vou dar um exemplo: a música "Dancing Queen" do ABBA, gente, não tem nada a ver com isso, o clip da música mostra o ABBA cantando num palco para crianças, nada a ver com o que é insinuado hoje. É claro, temos exceções como o "Village People", eles sim eram gays, e as letras levavam para este lado, mas o restante nunca houve relação, por isso, quando vou a um baile, e começa a seleção deste estilo, e as pessoas começam a "desmunhecar", me irrita. Gente, eu viví está época, eu estava lá, e não é justo, por exemplo, eu colocar um cd em meu carro, e relembrar minha adolescência ouvindo estas músicas, sem chegar um alienado (como a maioria das pessoas que estão curtindo uma festa ou baile), e ficar tirando sarro. As bandas também tem sua cota de culpa, pois sem ter informação, tocam essas músicas travestidos de "drags". Tocam músicas que eles nem sabem de que período é, exemplo: a música "It's rain a man", não é da era disco, esta música é da década de 80 (tomara que algum dono de banda estaja lendo isso), pois o clip, mostra homens caindo no sistema de Cromaki, que não existia na era Disco, outro exemplo, Glória Gaynnor com "Are you survive" (não sei se a pronúncia é correta), hoje é um "hino" gay, sendo que não tem nada a ver, a letra fala de um final de relacionamento, e que a pessoa de uma maneira motivacional, fala que vai sobreviver, que vai superar. Haaa gente, pra mim isso é muita alienação, pra não falar burrice, volto a repetir, nada contra os homosexuais, por favor, os respeito muito, mas também não quero que um estilo musical, que fez parte da juventude de muita gente, seja remodelado do jeito que o "Mercado" quer, só para dar lucro. Não sou pato, não engulo tudo que o mundo tenta me empurrar pela garganta, por favor, deixem a DISCO MUSIC em paz.

Pra quem está amando

Esta banda é uma das mais conhecidas do mundo, sou fã, mas quem é muito mais que eu, é meu filho mais velho. Ele sabe tudo sobre os "BEE GEES", canta músicas do grupo que eu nunca ouví, sabe tudo, e olha que ele tem apenas 13 anos e já está cantando junto com meu sobrinho de 11. Estão fazendo o maior sucesso, pois todos falam que é raro que eles, tão jovens tenham um gosto musical tão refinado, haaa...cantam beatles também, se possível eu vou postar um video deles cantando para vocês verem, Ok? Bom a música nem preciso falar, para mim, é uma das mais lindas que eu ja ví.

Elvis e Nixon

Pronto, agora consegui postar a foto de Elvis e Nixon, para provar sobre o que o Elvis pensava sobre drogas.

sábado, janeiro 27, 2007

Elvis e Nixon

Policiais delinquentes

Eu tenho poucas lembranças desta série, eu era muito pequeno, mas a abertura eu não me esqueço, ela conta a histórias de três pessoas que eram ligadas ao crime e se tornam espiões da policia, "MOD SQUAD", não fez sucesso no Brasil, nunca mais passou por aqui, mas lá fora fez, tanto é, que ano passado fizeram um Remake desta série. Eu não assistí, e nem vou, para não estragar as minhas poucas lebranças.

sexta-feira, janeiro 26, 2007

Sentimentos

Eu coloquei a atriz Lindsay Wagner a "Mulher Biônica", cantando "Feelings", mas agora vamos ver o próprio Morris Albert, autor e compositor da música, em uma apresentação no Globo de Ouro de 1975.

Em defesa de Elvis Presley

Como eu havia dito, vou tentar ser o advogado de defesa de Elvis Presley, e tentar mostrar o outro lado da história. Elvis se casou em 1968, com Priscila B. Presley da qual teve uma filha Lisa Marie Presley, neste período, Elvis estava voltando para os palcos, e com isso a rotina de shows era intensa, isso fazia que ele ficasse muito tempo fora de casa. Elvis, como muitos ja sabem, sempre tomava remédios (energéticos, vitaminas, etc) para aquentar o rítimo da sua vida de viagens e shows. Vou tentar resumir, ok? Com a distância de casa, priscila ficava muito carente, acabou traindo Elvis com o próprio professor de Karatê de Elvis. A seperação aconteceu em 1973, uma semana antes do Show "Aloha Fron Hawaii", primeira transmissão via setélite do mundo. Elvis era apaixonado por sua esposa, e nunca se recuperou do trauma da separação, entrando em uma depressão profunda, aí sim, começou a tomar remédios pesados, principalmentes antidepressivos, com o tempo, virou uma compulsão, ele tomava remédio para comer, dormir, acordar, calmantes poderosos, tanto é, que uma vez ele quase se afogou em um simples prato de sopa, devido ao excesso de calmantes (não o julgo, pois eu também passei por isso, e não é fácil). Então na noite de 16 de agosto de 1977, após ter ido ao seu dentista, Elvis se recolheu ao seu quarto, foi até o banheiro, e não voltou mais. Em sua autópsia, foram ancontrados 25 tipos de comprimidos diferentes em seu estômago. Bom, remédio também é droga, não nego isso, mas se for assim, quantas pessoas que sofrem de depressão crônica, e é dependente de remédios, também devem ser consideradas "Drogados", na minha opinião, Elvis, em um momento de muita depressão, se suicidou, ingerindo um número grande de remédios. Agora, o que muitos não sabem, é que Elvis odiava drogas tradicionais, Maconha, LSD, cocaína, etc, Tanto é, que a pedido dele, o ex-presidente Nixon o nomeou agente anti-drogas do Boreau anti-drogas do EUA, atuando no estado do Tenesee, e por algum tempo, ele agiu até em batidas policiais na cidade de Menphis. Ele não foi santo, mas também não foi o "drogado" que a maoiria da população pensa, pelo contrário, com uma formação familiar muito religiosa, Elvis era íntegro, e os únicos prêmios Grammy que ele ganhou (03), foram de discos com músicas sacras ou gospel, que vocês podem encontrar em muitas lojas de produtos religiosos no Brasil e no mundo. Bom espero que pelo menos um pouco de justiça seja feita, e para provar, esta foto acima, mostra o dia em que Elvis recebia a credencial para atuar no combate as drogas.

É preciso coragem II

Um leitor do Blog me deu um toque onde conseguir a abertura da novela "IRMÃOS CORAGEM", então fui atraz e consegui, vamos matar a saudade então.

Cuidado...deforma o pé!

Este comercial dos anos 80, contou com a presença do "Zico", mas o produto....a gente....o produto....quem nunca quiz ter um "KICHUTE", nossa, nesta época, a molecada nem sonhava com Nike, Adidas, Rebook, etc....o negócio era o Kichute, mesmo que saiu o boato que deformava o pé, o pessoal ainda usava. Vou contar um segredo para vocês: A uns 10 anos atráz, eu consegui adquirir um Kichute, e ia jogar bola com ele, gente, ninguém acreditava, todos queriam ver a "raridade", mas o que me deixava triste, era ouvir a bendita frase; "Mas não deforma o pé?". Será que é por isso que parou a fabricação?

É preciso coragem

Gente, eu não tenho ainda a abertura da novela "IRMÃOS CORAGEM", a primeira versão, mas nem precisa falar do sucesso dessa novela. Eu era muito pequeno, lembro pouco, mas eu pude assistir alguns capítulos quando a Globo reprisou, e a cena que eu achei mais legal foi o final do casal "Jerônimo" e a india "Potira", muito dramático, o fundo musical então...nossa, para a época foi um buticão de lágrimas, existem outras cenas que irei colocar para o pessoal dos "40" matar a saudade.

quinta-feira, janeiro 25, 2007

Canta Elvis!

Esta cena também é rara, ela aconteceu 2 meses antes da morte de ELVIS PRESLEY, portanto, seu último show. Lembro que a rede Globo transmitiu o último show em novembro de 1977 (Elvis morreu em Agosto de 77), depois nunca mais passou, mas esta cena foi cortada, é uma pena, pois sua interpretação de "Unchained melody", foi fantástica. Daqui a algum tempo, eu vou contar para vocês, o que realmente aconteceu com Elvís Presley, pois o comentário popular era que ele foi um louco drogado, e não foi bem isso que aconteceu, vou tentar usar este blog para fazer justiça ao maior ícone musical de todos os tempos. Agora vejam, mesmo Gordo e doente, sua incrível voz nunca falhou.

S.W.A.T.

Este seriado fez muito sucesso no Brasil, pena que eu estudava no período noturno e só pude assistir nas férias, mas quem assistiu lembra até hoje. O que eu mais lembro, era da criançada rolando pra lá e pra cá, brincando de "SWAT", até histórias em quadrinhos foram produzidas na época.

Lembra Desse?


Quem não se lembra de Topo Gigio cantando a música "Meu limão, meu limoeiro, meu pé de jacarandá, uma vez tindolelê, outra vez, tindolalá". Criado na Itália em 1958 por Maria Perego, Gigio atravessou o oceano e chegou a outros países sempre ao lado de pessoas famosas, como Ed Sullivan nos Estados Unidos. Também esteve no Chile, México, Venezuela, Argentina, Colômbia, Peru e Japão.No Brasil, Topo Gigio estreou em 1969 fazendo grande sucesso ao lado de Agildo Ribeiro no programa musical Mister Show, dirigido por Augusto César Vannucci. Eles apareciam em quadros de 15 minutos, previamente gravados para que os truques de manipulação não fossem revelados. Gigio, que na época era dublado por Laerte Sarrumour, um ratinho que pensava que era gente, conversava animadamente com Agildo. Sempre lembrando as crianças de obedecer aos pais, fazer as lições de casa, manter a higiene, fazer suas orações, etc., Gigio foi acusado por psicólogos de só ressaltar o lado bom da criança. Mas isso não impediu seu sucesso com crianças e adultos, tanto que foram lançadas histórias em quadrinhos, discos (com músicas Meu Calhambeque, Se Essa Rua e Chove Chuva) e, é claro, o próprio boneco do Gigio. No programa, o boneco de pano media 30 cm, com 8cm só de orelhas. Mas a fama também lhe trouxe problemas já que o jornal O Pasquim começou a publicar matérias dizendo que Gigio era homossexual. Preocupados com esse tipo de repercussão, a Globo, que exibia o programa, resolveu incluir Regina Duarte nos quadros. Então o jornal passou a dizer que o ratinho era bissexual. Foi aí que ele saiu do ar em 1971. Em seu último episódio, ele pega sua trouxa e caminha lentamente para longe da tela.Mas ninguém esqueceu Gigio e sua alegria sempre que pedia um beijinho de boa noite antes de ir dormir, usando seu pijama, na verdade um camisolão. Em 1983, ele retornou pela TV Bandeirantes no programa Boa Noite Amiguinhos. Não fez o mesmo sucesso e saiu do ar. Voltou novamente pela Bandeirantes em 1987, ao lado de Ricardo Petraglia. Mas também durou pouco. Em 2000 a Globo cogitou trazer o boneco de volta com Agildo Ribeiro para um quadro do Zorra Total, mas desistiu da idéia devido aos altos custos dos direitos autorais.

Boa Noite John Boy

Esta série passava nas tardes de sábado na Globo, não gostava muito dela porque criança gosta de seriados de aventura, mas de vez em quando eu assistia, eram histórias relacionadas com problemas familiares, mas em volta de um ambiente de muito amor. A cena que todos ficavam esperando, era a cena final, onde toda a familia ia dormir, e todos começam a dar "boa noite". Hoje a série é clássica, tanto é, que ano passado, no horário eleitoral, vocês viram aquele comercial onde aparecia a casa de um candidato a governador, e todos começavam a dar "boa noite" para seus parentes, então, adivinha de onde os marketeiros políticos tiraram a idéia?

Ô pisit!

Não existe nenhuma pessoa da faixa etária dos 30 ou 40, que não foi fã dos "TRAPALHÕES". Eu não perdia um só programa, nem um só filme, e ainda quero colecionar todos os filmes do Renato Aragão, principalmente os primeiros. Eu me lembro do primeiro programa dos Trapalhões na Globo, eles foram no embalo da série americana "SWAT" (que eu ainda vou postar sobre ela), assistindo hoje, parece infantil, mas para uma criança como ainda sou, me divirto muito. Esta cena, foi o primeiro programa a ir ao ar pela Globo em 1977, primeiro quadro, e nós nunca iríamos imaginar que o programa ficaria no ar tantos anos.

quarta-feira, janeiro 24, 2007

Djalma -lhes Jorge-lhes Show-lhes

Ano l985, iniciou um programa de rádio que era o maior sucesso, gente, naquela época não havia programas cômicos no rádio, por isso, quando este começou...meu Deus, foi uma explosão. Eu lembro que eu e todos os meus amigos da época estávamos festando, quando um gritava "já é 10 horas, vai começar o programa do "DJALMA JORGE SHOW", quem não lembra do Djalma-lhes Jorge-lhes Show-lhes-lhes, até hoje quando eu ouço, não aguento e choro de rir, estes dias coloquei para meus filhos conhecerem, ele rolavam no chão de tanto rir. Para quem não sabe, o Djalma, era o Emílio Surita do "Pânico", O programa era uma palhaçada só… o Djalma (locutor) falava tudo errado, acompanhado pela sua equipe: o Diretor, Ciliano-Ciliano, Paraíba, Carlos (o mudo), Chefe Bródy, Timoti, etc. O programa só tocava músicas velhas e/ou bregas, como aqueles forrós nordestinos (ex: Talco no salão, cantado como “dá o c* no salão”, etc.). Durante o programa, a equipe do Djalma fazia as palhaçadas, como quadros do rim-tim-tim, Silvio Santos, Jornal Naciobral e o “Vida e Morte” de algum artista famoso, onde eles inventavam um monte de m*rda sobre algum artista (ex: Michael Jackson, Madona, etc) e faziam uma retrospectiva da sua vida, vamos ouvir um pouquinho.

The 80"s again

Gente, eu curtí muito minha juventude, mas o período que mais festei foi a década de 80. Não sei se vocês sabem, mas esta década é muito criticada pelos criticos musicais, ele dizem que não teve nada de bom, mas eu discordo, foi a última década de criação musical, isso no Brasil né. Mas mesmo lá fora, eu gostava do som que rolava, principalmente desta banda, a qualidade de som dele é ótima, tanto é, que os instaladores de som automotivo utilizam este som para testar os equipamentos. E o "MODERN TALKING", existe até hoje.

Sitio II, a missão

Eu coloquei a abertura do "SITIO DO PICA-PAU AMARELO", no início do blog. Aquela abertura era de 1977, esta que vamos ver, é de 1978 e mostra o atores daquela época, então vamos matar a saudade.

terça-feira, janeiro 23, 2007

Bonanza Encontra A Feiticeira


Antigamente a televisão americana costumava apresentar comerciais com os atores de séries de TV ainda "vestindo" seus personagens. Era muito comum entrar o intervalo comercial com o ator/personagem falando, dentro do cenário da série.Esse video que estou postando aqui traz um especial de mais de cinco minutos que não só apresenta os atores de Bonanza, no cenário da série, falando sobre os novos modelos de carros da Chevrolet, mas, também, traz para o universo do faroeste os personagens de A Feiticeira (Samantha, Endora e James), bem como o Agente da U.N.C.L.E., Robert Vaughn.A Chevrolet era uma das patrocinadoras oficiais dessas séries. O ano de produção do comercial é 1965. Muito bacana o video, vale a pena dar uma olhada mesmo quem não for fã destas três séries!!!

Sem Destino

Gente, eu sempre ouví falar desse filme, mas quando o ví, xonei, adorei, e até hoje trago o trauma de nunca ter pego uma moto dessas e sair "Sem Destino". Basta ver a abertura do filme, com a trilha sonora original, que dá vontade de sair por aí "EASY RIDER".

Canta Mick

Vocêm lembram quando eu falei dos intervalos entre os programas da Tv, onde era colocado clips músicais? Então, esse clip também foi campeão, passava direto, e a música é linda "ANGIE" dos "Rolling Stones".

Segure as calças Garcia...

Eu, graças a Deus, pude mostrar para meus filhos o que eu via quando criança, meu filhos cresceram assistindo o que eu assistia, por isso eles também conhecem muito sobre sériados antigos, mas o que mais me deixava feliz e triste ao mesmo tempo, é que eu, de uma certa forma, os deixei alienados. O meu filho maior, queria só brincar de "ZORRO", "Batman", "Banana Splits", etc. Só que na escola, não era isso que seus amiguinhos brincavam, nem sabiam do que se tratava, houve um choque de gerações, aí eu me sentí culpado e parei de mostrar seriados antigos. Mas não adiantou, eles são apaixonados pelos seriados antigos também, só que hoje eles compreendem, e se sentem privilegiados. Bom....depois eu falo mais disso, para homenagia-los, eu vou colocar a chamada (rara) da Tv americana para o seriado "ZORRO", no original em preto e branco, pois o que passou na Band, foi colorido por computador.

segunda-feira, janeiro 22, 2007

Veja Por Onde Anda Fess Parker


Famoso pela série Daniel Boone e pelos filmes de Davy Crocket, Fess Parker está hoje com 73 anos e morando em Santa Barbara onde é dono de um vinhedo e um hotel. Está casado há 30 anos, tem dois filhos e 11 netos. Ativo na comunidade, já se envolveu com política e causas sociais, entre elas The Performing Arts Scholarship Foundation, que ajuda a desenvolver as carreiras musicais (instrumental e vocal) de crianças e jovens. Nada mal para um desbravador da TV.

Nada se cría, tudo se copía

Como dizia Silvio Santos "Nada se cria, tudo se copia", eu vou contar uma curiosidade para vocês. Todo o filme "O Rei Leão", foi plágio de um desenho japonês chamado "KIMBA", este desenho contava a história de um leãozinho que tinha sua familia, e ele adorava seu pai, mas um dia, seu pai morreu, daí Kimba teve que assumir seu reinado, mas mesmo assim, Kimba continuava a manter contato com o espírito de seu pai, ele se dirigia a uma caverna onde estava os restos mortais (a pele) de seu pai, para buscar direcionamento para sua vida. O desenho teve várias temporadas, com seu pai vivo e Kimba ainda pequeno, kimba jovem, e kimba adulto passando o reinado para seu filho. Bem...precisa falar mais alguma coisa? Gente....copiar até que pode, mas deveriam de dar o crédito a este desenho que me fez chorar muito quando criança.

D.I.S.C.O.

Gente, eu era adolescente, mas conseguí pegar a era "Disco", eu era "di menor", mas mesmo assim eu conseguia entrar nas discotecas, e uma das músicas que adorava era "Born to be Alive" de Patrick Hernandes. E a partir de hoje eu vou homenagiar as discotecas que haviam em Maringá, está vai para a "SENZALA", discoteca que se incendiou, e depois se tornou piada pois todo mundo falava que tinha virado "Sinzala".

sábado, janeiro 20, 2007

Ô menina má...

Aí vai mais uma abertura de novela para quem se lembra "ANJO MAU", primeira versão.

"ELES" chegaram

Esta série foi apresentada no Brail no iníco da década de 70, depois só voltou ao Brasil nos anos 90, pela rede record. É uma das minhas favoritas e por muito tempo tentei não esquece-la da minha mente, até que eu pude assistir novamente pela Record, eu adorava quando "OS INVASORES", morriam e se desintegravam, era muito legal, o seriado foi apresentado muito tarde da noite nos anos 70, mas eu ficava escondido esperando meu pais dormirem pra ligar a Tv. Vejam a abertura e o início do primeiro episódio, pena que está em inglês.

sexta-feira, janeiro 19, 2007

Salgadinhos que prendem

Este seriado eu assistí muito pouco, tinha de estudar a noite, e quando eu chegava em casa já tinha acabado, mas fez muito sucesso, tanto é que os atores principais, principalmente o Erick Strada, sempre aparece em outros filmes vestido de Policial, para homenagiar a série. Eu vou falar o nome da série, mas não lembre do salgadinho, por favor, esta piada é velha, "CHIPS".

Mãe...quero um pra mim

Não adianta falar de seriados com animais, sem falar no "FLIPPER". Gente eu era muito pequeno quando esta série passava, mas eu não me esqueço da abertura, e algumas cenas que ainda estão na minha mente, não são cenas que posso ver hoje, mas sim, cenas que estão realmente quardadas, pois lembro até do local onde eu estava. Gente, como eu queria ter um amigo como o Flipper, eu morria de inveja daqueles dois meninos da série, queria o Flipper pra mim....bom, eu acho que não era só eu. Eu só pude rever a série graças a Band que adquiriu a série na década de 90, pois ela ficou fora do Brasil por mais de 35 anos, aí eu pude matar a saudade do meu "amigo".

Dá um óculos pra ele

A muito anos atrás, numa galáxia muito distante....brincadeira, eu assistí um filme muito legal. Se tratava de um filme rodado na África (como muitos outros), e contava a história de um leão que era vesgo, verdade, o leão era vesgo mesmo, seu nome era "Clarence". O filme fez tanto sucesso que resolveram fazer um seriado: "DAKTARI", que contava a história de um veterinário na África, mas quem roubava a cena era mesmo o Clarence, colocaram até uma macaquinha para dar mais brilho a série, mas Clarence reinava mesmo.

Como eu queria...

Gente, como eu queria poder só trabalhar com esse Blog, poder colocar o maior número de post possível, mas....preciso trabalhar, por isso, que as vezes demora para postar, mas na medida do possível eu vou continuar, e espero contar com os acessos de vocês, e principalmente o incentivo.

Obrigado

quinta-feira, janeiro 18, 2007

Legal nô!

Por muitos anos, os seriados japoneses ficaram afastados do público brasileiro, mas no final dos anos 80, uma rede de Tv adquiriu uma série japonesa que fez muito sucesso, o sucesso foi tanto, que a partir daí começou uma enchurrada de seriados japoneses, isso não aconteceu só no brasil, mas no mundo inteiro, tanto é que houve uma fusão de algumas séries que eram filmadas no Japão e Estados Unidos, e estão aí até hoje. Vamos ver então a abertura da série "JASPION", que iniciou tudo isso.

quarta-feira, janeiro 17, 2007

Cadê minha colorado?


O pessoal está tentando me ajudar a locaizar a Tv Colorado RQ, uma pessoa me indicou um site, e eu peguei esta foto de uma Tv Colorado, não é esta que eu tinha, mas vale a pena mostrar, muito legal.

Sonho realizado



Era 1978, eu como toda criança indo para a adolescência sonhava com tudo aquilo que era novidade para a época, por exemplo uma Tv a cores, meu Deus, como era caro, minha familia era simples, não tinha condições para comprar uma. Eu lembro que neste período eu ia nas casas de amigos que tinham e nas lojas para ficar assistindo e sonhando, é claro né gente, que depois nós tivemos a nossa, mas eu tinha engasgado na minha garganta "aquela" Tv, mesmo já sendo velha, eu precisa ter o "gostinho" de possuir "aquela", que eu sempre via nas lojas e que meus amigos tinham, então quase trinta anos depois, mesmo tendo aparelhos novos e de última geração, eu localizei e comprei "aquela" Tv(foto). Hoje ela está comigo, funcionando perfeitamente, a ligo de vez em quando, só para não estragar, mas mesmo tarde, realizei meu sonho de criança. Haaa...a Tv colorado RQ preto e branco, eu vou tentar localizar uma, vou fotografar e mostrar para vocês, ok?

As Irmãs Cartwright


Quem tem mais de 30 anos deve se lembrar dessas duas irmãs Cartwright. À esquerda está Ângela Cartwright famosa na série Perdidos no Espaço, e à direita está Verônica Cartiwright, que interpretou a filha de Daniel Boone, Jamima, entre 1964 e 1966. As duas séries foram produzidas pela Fox no mesmo período e essa foto foi tirada durante os intervalos de gravações. As duas eram tão parecidas que eu costumava confudí-las quando era pequeno (quando somos crianças não notamos muita coisa, né?). Me lembro de ter assistido Além da Imaginação achando que estava vendo a Ângela, quando na verdade era a Verônica.A carreira de ambas seguiu rumos diferentes. Embora Ângela tenha ficado mais famosa (além de Perdidos no Espaço, ela também esteve no mega-sucesso eterno A Noviça Rebelde), ela se afastou da carreira de atriz na década de 80, com participações em séries como Águia de Foto e O Barco do Amor. Só voltou em 1998 com uma rápida aparição no filme Perdidos no Espaço (por razões óbvias). Atualmente Ângela, que está com 54 anos, é fotógrafa profissional e gerente de uma galeria que realiza exibições fotográficas.Já Verônica, hoje com 56 anos, segue com sua carreira a pleno vapor. Na década de 90 fez participações em séries como Plantão Médico, Arquivo X, Chicago Hope, Will & Grace e O Toque de Um Anjo. De 2000 pra cá, esteve em Without a Trace, Sete Palmos, Lei e Ordem: Unidade de Especiais, Nip/Tuck, Boston Legal, Cold Case e C.S.I. Além disso, acabou de filmar The Visiting, com Nicole Kidman. Nada mal, heim?

Voltei de Novo

Gente, todo mundo tem uma música que representa sua infância, a minha é "California Dreamin" com "The Mamas end the Papas", toda a vez que eu a ouço, eu viajo mesmo, por isso eu fico chateado com muitas pessoas que as vezes me criticam e criticam o blog, pelo fato de tentar fazer este "resgate". Gente este blog não para se entender com a mente, mas sim com o coração, Blz?

Barrados no Baile uô hô

Agora vamos para a década de 90, muitas passoas me pediram para colocar a abertura dessa série, que por sinal, foi uma das mais longas que eu já ví. Não era muito fã não, mas assistia porque tinha uma mulherada que era uma loucura. Então atendendo a pedidos "BARRADOS NO BAILE".

terça-feira, janeiro 16, 2007

Que sorte...furou a moeda

Esta música com certeza vai fazer muita gente voltar ao passado mesmo, principalmente num período onde os westerns italianos reinava em nossos cinemas. Eu assisti esse filme pela primeira vez na Tv, não tive a oportunida de de ver no cinema, mas quem teve não esqueceu mais, o filme é muito bom e a música então está eternizada, é só começar assoviar a canção que todo mundo lembra do "DÓLAR FURADO"

Pai...me empresta o carro?

bom, vocês já perceberam que gosto mais de séries da década de 60/70, o motivo é claro, eu era criança, e ficava muito mais tempo em casa assistindo Tv. Mas, na década de 80, eu era adolescente, já saía mais, começava a descobrir o mundo e não tinha mais aquela vontade de ficar na frente da Tv, eu acho que isso aconteceu com todo mundo. Mas de vez em quando eu parava na frente da Tv para ver o que passava, e uma série me chamava a atenção, adivinhem porque....no que um adolescente pensa além de festar e meninas? É Claro, um carro...e quem não queria ter um "KIT" da série "A SUPER MÁQUINA".

segunda-feira, janeiro 15, 2007

Salvem os pequeninos

Bom, está série foi a última que eu assistí quando eu ainda morava na fazenda de meu avô, e foi uma das que mais me tiraram noites de sono, nossa, quanto eu sonhei que estava sendo apanhado por um "gigante", com aquela mão enorme. A série foi uma das 4 grandes séries produzidas por irwin allen "Perdidos no Espaço", "Viagem ao Fundo do Mar", "O Túnel do Tempo" e "Terra de Gigantes". Nossa, se eu fosse falar das curiosidades desta série, teria que escrever um livro, mas vou falar algumas: A Atriz Heater Hiong, ficou grávida durante as filmagens, e timnha de usar um corpete para disfarçar a barriga, os atores Don Matheson e Deanna Land se casaram, o ator Kurt Kaznar falaceu de Câncer, e praticamente todos os atores tinham que fazer muita academia pois as cenas exigia muito preparo físico. E para vocês um presente...as 2 aberturas da série, a primeira e a segunda temporada.

Yvonne de Carlo, a Lily Monstro, morre aos 84 anos


A atriz Yvonne de Carlo, conhecida como a mulher de Moisés no filme de C.B de Mille "Os Dez Mandamentos" e pela série de tevê Os Monstros, morreu aos 84 anos na última segunda-feira (08), disse seu amigo de muitos anos, o produtor de televisão Kevin Burns.
De Carlo morreu de causas naturais no Motion Picture & Television Fund's Retirement Home, um asilo de artistas situado em um subúrbio de Los Angeles. Uma porta-voz da instituição não quis falar sobre o assunto.
A carreira de Yvonne começou atuando em filmes-B sobre aventuras no deserto e westerns. Na década de 50 conseguiu seus melhores papéis. Mais tarde, lançou-se no musical da Broadway Follies. A última vez em que ela apareceu na televisão foi em uma produção de 1995.
Mas para os fãs de televisão, ela será sempre lembrada como a vampira Lily Monstro da série de horror/comédia Os Monstros (The Munsters). Por mais que tenha fica apenas dois anos no ar (1964-1966), a série acabou invadindo as telonas e dois filmes foram lançados - "Munster Go Home!" (1966) e "The Munsters´ Revenge" (1981, para TV).
Al Lewis, o ator que encarnou Vovô na série Os Monstros, morreu em fevereiro do ano passado, aos 95 anos, também de causas naturais.
Yvonne de Carlo nasceu Peggy Yvonne Middleton, em Vancouver, Canadá. Casou-se em 1955 com Bob Morgan, um dublê importante com quem teve dois filhos, Bruce e Michael. Após um acidente ao filmar uma cena perigosa saltando de um trem em movimento em "A Conquista do Oeste", Morgan perdeu uma perna e Yvonne abandonou a carreira para cuidar dele, mas o casal acabou se divorciando. Nos últimos anos de vida, Yvonne viveu perto de Solvang, ao norte de Santa Bárbara (EUA). Seu filho Michael morreu em 1977 e ela sofreu um ataque de apoplexia no ano seguinte.
A série Os Monstros acaba de ser lançada em DVD no Brasil e está sendo exibida pelo canal pago Nickelodeon, diariamente, às 23h30 e de seg à sex, 3h30.

E abre a cortina vermelha

Quando criança. e mesmo depois de grande, eu chegava até aquele local, bem na esquina, comprava o meu ingresso e entrava no hall de entrada, mas é claro, antes tinha que dar uma passadinha no banheiro, subia em um corredor escuro e derrepente dava de cara com um imenso salão de encher os olhos. Eu sentava sempre no meio, nem lá no fundo, nem muito na frente, e ficava esperando olhando a imensidão daquele salão, derrepente começava aquela música, se fosse na matiné, o barulho de gritos e assovios da criançada era ensurdecedor, a noite já era mais calmo, nisso a sequência de luzes coloridas iam se apagando, uma em cada coluna, e aquela imensa cortina vermelha começava a abrir, que emoção...já sabem que local era esse? Sim o Cine Horizonte, e esta era a música que iniciava a projeção: "Viver ou Morrer" de Paul Mauriat.

domingo, janeiro 14, 2007

É Fantástico

Gente....quando eu coloco algumas aberturas, não é só para lembrar, mas sim também para nos transportar no Túnel do Tempo a lugares que a gente pensa que nunca mais iremos, isso acontece comigo, como por exemplo essa abertura do "FANTÁSTICO", a primeira, eu acho a música muito linda, e quando e assisto essa abertura, eu me transporto realmente para minha infância...gente, parece incrível, mas eu me vejo, sentado naquele sofá de corvim vermelho, com os pés em cima dele pois não alcançava o chão. Não sei se isso acontece com vocês....mas pra mim acontece e é lindo.

Nationalo Kidô, hei....

Bom, essa série ficou muito marcada para mim, foi praticamente o primeiro super herói que eu conhecí, enquanto a maioria conhecia os Batmans, Superhomens e outros, eu, que morava no sítio,só soube da existência de super herói pela Tv, e fazer o que né, foi o "NACIONAL KID", que eu ví primeiro, então o mérito é todo dele.

sábado, janeiro 13, 2007

Mundo em preto e branco

Bom, criança gosta de desenhos animados até hoje, ainda bem que não conseguiram acabar com isso. Um dos desenhos que eu me amarrava era "FRANKSTAIN JR. E OS IMPOSSÍVEIS", ficava grudado na Tv Colorado RQ para assistir, só que como toda a crainça daquela época não sabia que o desenho era colorido.

Os tapa-buracos

Em 1974, quando a Tv Cultura estava sendo implantada em maringá, não havia uma programação fixa, e isto acontecia também na Tv Tibagi de Apucarana e Tv Coroados de Londrina, essas eram as TVs que conseguíamos pegar nestá época. Quando não havia programa para um determinado horário, elas colocavam clips musicais para tapar o horário, Gente, este Clip dos "CARPENTERS" era o que mais passava, eu adorava, não só pela música, mas também pelas imagens da Disneylândia, que era o sonho de qualquer criança daquela ápoca...bom dessa também né.

Agora é nosso !

Bom essa série é uma das mais famosas do mundo. Deixa eu explicar o que está acontecendo: Todas as séries antigas eram muito caras para ser adquirida por uma rede de tv, com o valor de uma série antiga, e rede comprava 5 novas, por isso, por muitos anos eles ficaram paradas e só nos restando saudades. Mas a partir 2005, as empresas que tinham os direitos sobre estas séries, perderam esse direito, assim as séries ficaram de domínio público. Por isso, agora vemos vários "Box", nas lojas, e durante a existência deste Blog, eu vou dar dicas das séries que ja saíram, e as que vão ser lançadas, para quem quizer quardar em casa, e mostrar para seus filhos e netos, como nós éramos felizes, Ok? Mas voltando a falar desta série, ela durou 10 anos...é verdade...10 anos, só que no Brasil, só passou a primeira temporada na década de 70, só que para dar mais lucros, as empresas dividiram os episódios, não existe ainda o "Box" de "BONANZA", quem quizer colecionar vá até as lojas Americanas que vocês encontrarão alguns desses episódios.

sexta-feira, janeiro 12, 2007

Você se lembra da minha voz ?

Gente, eu vou colocar coisas que eu também não gostava, se não fica muito chato, já pensaram eu colocar só que eu gosto, que chato. Mas mudando de assunto, esse comercial eu odiava, aquela moça, aquela voz, crédo, mas vale a pena para
matar a saudade.

Meu segundo amor

Essa é a minha segunda paixão da infância....meu Deus, como eu era apaixonado, pena que eu era criança, se não eu ia para os Estados Unidos para me casar com ela (só faltava avisar ela, é claro). O duro gente...que ela ainda é uma "MULHER MARAVILHA", está linda até hoje.

quinta-feira, janeiro 11, 2007

Enquanto o filme não começa:

Esta música, "Love is Blue" (L'amour est Bleu), é uma entre as várias músicas tocadas pela grande orquestra do maestro Paul Mauriat, músicas que eram tocadas nos alto-falantes dos cinemas antigamente. No Cine Horizonte e Maringá, era costumeiro ouvir esses clássicos enquanto o filme não começava. O pessoal que chegava cedo, namorava com esse fundo musical.

"Santa difamação Batman"

Nem precisa falar nada, quem não conhece o "BATMAN", depois de tantos filmes nos últimos tempos, o herói ficou desgastado. Mas o que eu mais fiquei triste, é que no período de lançamento desses filmes, parece que fizeram uma campanha contra a série clássica, humilharam o Batman de nossa infância, ridicularizaram sua roupa, as brigas, disseram que era a versão "gay" do Batman. Só que meu caros críticos de cinema, onde estão esses filmes? Estão emboeirando nas prateleiras das locadoras, enquanto a série tão boba e simples é constantemente reprisada, e ainda conquista os corações de muitas crianças, inclusive esta criança aqui.

Quantos dias felizes

Gente, esta série poucas pessoas lembram, porque passou no Brail em 1980, nas tardes da sábado. Eu adorava, pois o tema era o meu favorito, os anos 60. Esta série foi no embalo do filme "Nos Tempos da Brilhantina" com John Travolta, e ficou pouco tempo no Brasil, mas nos Estados Unidos, a série é cult até hoje, foram no total 6 anos de exibição e o personagem principal o "Fonzie" é idolatrado até hoje, então para quem se lembra "HAPPY DAYS".

quarta-feira, janeiro 10, 2007

Porcos no Espaço

Pediram uma cena do quadro "PORCOS NO ESPAÇO", da série "Muppets Show", pena que esta versão está em inglês, mesmo assim da para entender, também é muito hilário. Presença especial do pessoal de "Guerra nas Estrelas".

Que saudade da verdadeira Emília

Como qualquer criança, eu adorava os programas infantis também, agora....meu Deus, que saudade do "SITIO DO PICA-PAU AMARELO", digo...o antigo, porque esse novo...me desculpem...pra mim é uma porcaria. O antigo, sem ter toda a tecnologia que a Tv tem hoje, era muito melhor, nós viajávamos naquelas histórinhas. Não sei se era o redator, ou a atuação dos atores, mas sei que eu vinha correndo da escola para assistir o programa.

Flores em seus cabelos

Essa eu copiei do Blog do Ângelo Rigon, que também gosta do que é bom, a música é "SAN FRANCISCO" com Scott Mackenzie. Gente toda a vez que eu ouço esta música eu me transporto para a minha infância, eu ouvia esta música na rádio Atalaia, em uma época que não havia FM. No final da música, e gente sempre ouvia aquela vinheta com uma voz fina e estridente "Atalaia", lembram disso? E a curiosidade, é que eu ouvia esta música na velha casa de madeira na fazenda de meu avô. A fazenda se chamava "SÃO FRANCISCO".

terça-feira, janeiro 09, 2007

Morre Iwao Takamoto, criador do Scooby-Doo e Penélope Charmosa


Morreu nesta segunda-feira (08), aos 81 anos, Iwao Takamoto, animador que criou personagens como Scooby-Doo e Penélope Charmosa.
Takamoto morreu no Centro Médico Sinai, em Los Angeles, onde estava sendo tratado por problemas respiratórios, informou um porta-voz da Warner Bros. Animation.
Takamoto, que nasceu em 1925 em Los Angeles, passou parte da Segunda Guerra Mundial em um campo de confinamento, onde recebeu treinamento informal de ilustração de outros japoneses. Seu trabalho como animador começou após a guerra, nos estúdios de Walt Disney, como assistente de mestres da animação como Milt Kahl, criador de Shere Khan, o tigre de "Mogli, o Menino Lobo", e do cervo Bambi.
Os dois trabalharam juntos em clássicos da Disney como "Cinderela" e "A Bela Adormecida", além de filmes cheios de cachorros, como "101 Dálmatas" e "A Dama e o Vagabundo".
Takamoto começou a se destacar após abandonar a Disney, em 1961, e entrar para os estúdios Hanna-Barbera. Ao lado de um dos fundadores, o recentemente falecido Joe Barbera, e do também desenhista Ed Benedict, o lendário pai dos Flintstones, Takamoto é considerado um dos criadores dos personagens mais populares da televisão.
Na Hanna-Barbera, além de Scooby-Doo, Takamoto criou toda sua turma de amigos Salsicha, Velma, Dafne e Fred. O nome do cachorro foi inspirado por uma parte improvisada no final da música "Strangers in the night", de Frank Sinatra.
Ele também criou a bela Penélope Charmosa, da série Corrida Maluca, Astro, o cão da família Jetson e o marciano Gazoo dos Flintstones.
Trabalhou como diretor e entre seus filmes está a versão animada de "A Menina e o Porquinho" (1973).

Aloha Elvis

Deixa eu explicar porque o clip do Elvis foi praticamente sem comentários, é que eu estava testando o sistema, ok? Mas o Show que vocês viram se chamou "ALOHA FRON HAWAII", de 1973, a curiosidade é que esse show foi a primeira transmissão via setélite do mundo, por ser a primeira transmissão ou seja, um marco histórico para a humanidade, chamaram o "melhor", ELVIS PRESLEY, por isso gente, que o cara é "o cara", nenhum cantor vai chegar a esse nível. Haa...lembrando que o LP do show também foi pioneiro, foi o primeiro LP com som quadrifônico (4 caixas) do mundo, toda a renda do show foi destinada a pesquisa contra o câncer infantil, a partir daí, Elvis resolveu construir um hospital do câncer em Menphis, e que é mantido pela Elvis Presley Sociaty até hoje.

Mexe a boca Samanta

Esta série é muito famosa, tanto é, que é umas das seríes que sempre é reprisada na Tv, ano passado estava sendo apresentada na rede Tv. Quem não se lambra da "Samanta" e sua famosa mexidinha na boca para realizar seus feitiços, quem sofria era seu marido "James". Esta série tem muitas curiosidades, mas não da pra falar tudo, o que nos deixa triste é que a maioria dos atores já falaceram, inclusive a atriz Elisabeth Montegomery que partiu em 1982, vítima de câncer. Foi produzido a dois anos, um Remake desta série, eu assistí...que porcaria...nada se compara o original.

Que frio

Mais um comercial antigo, dos "cobertores Paraíba", o que eu acho legal nestes comerciais, é a dicçao dos locutors, é perfeita. Só lemrando que os meu comentários estão pequenos por eu estar testando o sistema, depois do problema com o you tube, em breve voltaremos ao normal. E gostaria de saber se estão conseguindo abrir os quadros, me deêm retorno, por favor.

Aloha

Novamente Elvis cantando

Porcos no Espaço

Me fizeram um pedido que estou colocando agora, "PORCOS NO ESPAÇO", que era um quadro dentro do programa "Muppets Show", era hilário também, pena que a versão está em inglês, mas vale a pena conferir.

Problemas com o YouTube

Nesse Blog, quase todos os conteúdos de video são armazenados no famoso servidor de imagens YouTube.
Porém, por ordem judicial, muitos provedores de acesso a internet restringiram a conexão com esse site. Muitos de nossos internautas podem encontrar dificuldades ao acessar o conteúdo desse site.
Torcemos para que o problema, que favoreceu Cicarelli, seja resolvido.

segunda-feira, janeiro 08, 2007

Carlão Maringá atinge 860 visitas diárias

Estou muito surpreso pelo que está acontecendo, as visitas ao Blog está cada vez maior, atingimos a marca de 860 visitas diárias, isso sem divulgação, fico muito feliz, porque as pessoas estão entrando em contato comigo para fazer pedidos. Gente, o que eu tento apresentar, não é velharias, é história, nossa história, para aqueles que criticam, eu digo...joguem suas fotos antigas fora, principalmente aquelas que estão pessoas que fizeram parte de sua vida, é difícil né, então, vamos acabar com os museus, já que para muita gente isso não é importante. Vou repetir a frase que é lema deste Blog: "Quem não olha o passado, não consegue projetar o futuro". Por isso, vou continuar sim, e espero contar com a ajuda de todas as pessoas que estão me incentivando. Gente...muito obrigado.

Vai começar a sessão da tarde

Quando eu era moleque (desde ontem), eu sempre queria estudar de manhã, porque a tarde eu ficaria livre, principalmente para assistir a Sessão da Tarde, só que naquela época, a sessão da tarde não era como hoje, só passava filmes clássicos, principalmente musicais. Desses musicais, o que eu mais gostava era os de Rock'n Roll, e que eu adorava ver cantando era o "pai" do Rock, Bill Haley, e não adianda falar nele, sem lembrar da música que praticamente iniciou o Rock, e foi trilha sonora de diversos filmes. "ROCK AROUND THE CLOCK".

domingo, janeiro 07, 2007

Segure as penas Garibaldo

Não adianda falar em "VILA SÉSAMO", sem falar no garibaldo, como era atrapalhado, nesta cena ele tenta jogar damas com as instruções do Juca "Armando Bogus".

Enio e Beto: "A pizza"

Mais uma do Enio e Beto, percebam a linha pedagógica da histórinha, gente como faz falta estes programas.

Quem Bate?

Se vocês pensam que o Blog só vai apresentar séries e músicas, se enganaram, nossas recordações da Tv, não se restringem somente aos programas, mas também aos comerciais da época. Gente, quem não se aguenta a renponder quando batemos em uma porta, e a pessoa pergunta "quem bate", eu não aguento...eu sempre falo "é o frio".

Os Tarzans da Romeira

Era início da década de 70, eu morava na área rural de maringá (estrada Romeira), nós morávamos na fazenda de meu avô, juntamente com meus tios e primos. Dentro da fazenda havia uns 3 alqueires de mata virgem onde depois das aulas na escola rural, nós brincávamos muito. Agora adivinhem o que nos incentivava a brincar naquele local, a série "TARZAN", depois de assistir a série naquela Tv Colorado RQ preto e branco, corríamos para a mata para balançar nos cipós. Agora eu pergunto: será que as crianças que moravam e moram nas cidades, tiveram uma infância igual? Duvido.

sábado, janeiro 06, 2007

"Sentimentos" Biônicos

Como eu havia prometido, aí está a atriz Lindsay Wagner cantando "Feelings", do cantor e compositor brasileiro Morris Albert. Esta cena faz parte de um dos episódios da série "A MULHER BIÔNICA", Cena raríssima, aproveitem.

Não é só tiros...mas sim música

Eu falo que as séries de westerns da década de 60 eram ótimas, mas nada se compara as trilhas sonoras destas séries, um exemplo é a séria "O HOMEM DE VIRGÍNIA", que passou no Brasil no início da década de 70, e depois nunca mais. A trilha sonora, pra mim, é uma das melhores.

sexta-feira, janeiro 05, 2007

Maná...maná..

Este é um dos clips mais hilários que eu ja ví, para quem tem espírito de criança é claro, este vídeo correu a internet muito tempo. Os meu amigos adoraram, tanto é que um deles teve a capacidade de gravar o áudio do clip em cd, e fomos viajar, agora imaginem, daqui até Umuarama ouvindo essa musiquinha....sem cansar...o que só cansou, foi dar tantas risadas.

A era dos Biônicos II

Vocês acham que iria só colocar o homem biônico, claro que não, além do mais esta é uma das minhas paixões, como é linda.....ai meu Deus, bom ja foi né, mas a curiosidade não é só a minha paixão por ela, e que eu vou colocar para vocês um cena rara, a atriz Lindsay Wagner, em um dos episódios da série "A MULHER BIÕNICA", cantando a música "Feelings", é isso mesmo, do cantor e compositor brasileiro Morris Albert...aguardem.

Bee Gees - Staying Alive

Super sucesso, que no filme "Saturday Night Fever" (Embalos De Sábado À Noite) consagrou a era "Disco" e difundiu mais ainda a carreira musical dos "Bee Gees".

Debaixo dos caracóis

Não só de séries vamos tratar, falaremos de outros temas também, um deles será sobre uma época muito dífícil para os brasileiros, foi o período da ditadura, onde os "pensantes" deste pais sofreram muito. Uma das formas de protestar era exatamente a música, o os lacais de protesto eram também, os festivais da música popular brasileira, principalmente os da Record. Um dos que sofreram, foi Caetano Veloso, que teve de sair do país, mas contava com amigos aqui no Brasil que nunca se esqueceram de sua ousadia, um deles era Roberto carlos, que compôs a música "Debaixo dos caracóis", uma homenagem a Caetano Veloso. No início deste clip, veja quem está junto com o Caetano antes da chamada para cantar.

A era dos Biônicos

O pessoal está bronqueado comigo, porque eu só estou colocando séries dos anos 60, pois é...calma gente, tudo a seu tempo. A série que vocês verão a abertura, nem precisa falar muito, para vocês terem uma idéia eu colecionava até os quadrinhos desta série, e deixava minha mãe louca pois eu queria pular de cima de qualquer coisa para imitar o Steve Ostim "O HOMEM DE SEIS MILHÕES DE DÓLARES".

quinta-feira, janeiro 04, 2007

O Agente atrapalhado

"AGENTE¨86", esta série era muito legal, o agente Maxuel Smart, era muito atrapalhado, para quem não sabe, o personagem foi inspirado no inspetor Cruseau da "Pantera cor de Rosa". è claro, quem estava na produção da série, era Mel Brooks, ator e produtor de muitos filmes hilários.

Bang Bang no México

Esta série também foi muito assistida e comentada, mas o que eu mais gostava era exatamente a abertura, a música é muito linda, por sinal,as séries de westerns tinham uma trilha sonora maravilhosa, mate a saudade de "CHAPARRAL".

quarta-feira, janeiro 03, 2007

Edson Galhardi em Maringá

Eu falei do Edson Galhardi, que tinha confeccionado trajes idênticos ao do Elvis, na mesma empresa que produziu os trajes do Elvis, então, ele está em Maringá e de porte dos mesmos, quem quizer ver, entre em contato com ele, Ok? Esta clip é do Edson no teatro Callil Haddad em 2003, adivinha quem está atráz cantando e tocando virtualmente uma guitarra ?

Como eu queria ser policial no Hawaii

A Paramount Home Entertainment do Brasil acaba de anunciar - em primeira mão o lançamento em DVD da 1ª temporada da série clássica Hawaii 5-0. O lançamento vai acontecer no dia 26/04/07, em uma caixa com 23 episódios em sete discos. Não há ainda informações sobre a disponibilidade do áudio em português. A série foi dublada originalmente nos estúdios da Herbert Richers no Rio de Janeiro e ainda não há confirmações se este áudio foi preservado. Hawaii 5-0 teve 284 episódios em 12 temporadas. Foi ao ar nos EUA entre 1968/1980.

Seus inteligentes e intrigantes roteiros e o cenário paradisíaco do Hawaii são os grandes atrativos desta série clássica. Sem deixar de lado o inesquecível tema musical, composto por Morton Stevens, possivelmente um dos mais lembrados da história da televisão.

Jack Lord interpreta Steve McGarrett, chefe de uma unidade de elite da polícia hawaiana, que segue as ordens do governador Philip Grey, na luta contra o crime organizado, assassinatos, atentados, agentes estrangeiros e criminosos de qualquer outra categoria. James MacArthur interpreta o tenente de McGarrett, Danny "Danno" Williams. O restante da equipe é composta pelo chinês Chin Ho Kelly, o nativo hawaiano Kono, o detetive samoano Ben Kokua e o hawaiano Duke Lukela. O arqui-inimigo da equipe é o agente chinês Wo Fat, cujos planos sempre são desbaratados por MacGarrett, mas que, por outro lado, sempre consegue escapar das mãos da corajosa equipe policial.

James Bond a la Bang Bang

Muitas das séries que que foram apresentadas nos anos 70, foram produzidas nos anos 60, e neste período reinava as seríes de westerns. Nós vamos colocar no Blog, as aberturas da maioria das séries deste tipo, para começar, uma série muito legal, ela conta a história do primeiro agente secreto americano "JAMES WEST". O legal da série era o jeito que o ator Robert Conrad lutava, era uma mistura de Karate com Kunk Fu, e o mais incrível era que ele não usava dublê, por isso ganhou muitos ossos quebrados do transcorrer da série. Outra característica da série, era as engenhocas a moda James Bond, é claro, para o período em que se tratava a série, a mais legal, era o pequeno revólver que saia da manga de sua jaqueta.

Esses macaquinhos

mais um pouco de MONKEES.

saudade...saudade...saudade

Nossa, essa música me fez sonhar muito na minha infância, esperando quem sabe um dia o meu amor. Eu acho que não foi só eu, porque acabou? Porque acabou aqueles bailinhos nas casas, a seleção de músicas lentas onde a gente, cheios de medo tentava dar o primeiro beijo, ao som do 3 em 1 tão desejado....nossa...que saudade me deu agora. quando você ouvir e assistir esse clip...se lembre do seu primeiro beijo, ok? Michael Jackson "Ben".

terça-feira, janeiro 02, 2007

Sombra e Água Fresca, Guerra não

Eu recebí um pedido especial, especial pela memória da pessoa que pediu, como eu disse enteriormente eu pensava que só eu tinha memória televisiva, mas depois do blog vejo que muita gente também tem. Essa série só passou uma vez em canal aberto, isso lá nos anos 70, depois o canal Miltshow da Net, mas com o som original em inglês. Quem não se lembra do sargento "Shults", do Coronel "Klink" e do comandante "Hogan", a série e "GUERRA, SOMBRA e ÁGUA FRESCA", também era muito hilária. Vou contar uma curiosidade, o ator Bob Crane "Hogan", namorava a secretária do Coronél "Klink" na vida real, só que Bob Crane faleceu assassinado dois anos depois do término da série, a moça dizia que ela era assombrada pelo espírito de Crane, e cometeu suicídio....crédo.

Paspalhadas musicais

Como é difícil você ser criança em uma época em o mundo estava mudando, você olha pra traz e pensa, porque eu não viví mais esta época. As vezes eu invejo as pessoas que puderam curtir ELVIS, BEATLES..e por aí, mas houve uma banda em que eu curtia muito mais a série do quer as músicas "THE MONKEES". Gente, eu tenho alguns episódios dessa série, até hoje eu assisto e morro de rir, as tiradas são fantásticas, meu filhos quando eram menores rolavam de rir no tapete de minha sala, para vocês terem uma idéia, muitas das tiradas que o "DIDI" ou seja Renato Aragão, utilizava em seus programas ou filmes, foram copiadas desta série, por exemplo: Aquela cena em que se mostra que tudo é falso, que é cenário. foram copiadas dos MONKEES, era hilário. Hoje os MONKEES, faz parte da cultura americana, estão todos vivos, ainda cantando e encantando. Nossa, eu tinha tantas curiosodades para falar sobre eles mas não dá, mas eu volto nesse assunto, Ok?

segunda-feira, janeiro 01, 2007

Ênio e o Come-come

Devido ao enorme sucesso do Ênio e Beto da Vila Sésamo, resolvi colocar mais uma histórinha, desta vez "Ênio e o Come-come", se lembram dele?

Como sempre...lembrando

Voltei gente...pra variar todo queimado, mas tô vivo. Durante a viajem de volta, olhando toda aquela paisagem maravilhosa do Paraná, e é claro, da minha infância no sítio...e uma música ia passando na minha cabeça...olhando para meus filhos no banco de trás do carro, não tinha como não lembrar uma das músicas que eu ouvia muito, olhando o por do sól da janela da casa; "THE ANIMALS" "House of the rising sun".