sexta-feira, março 31, 2017

Operação combate a ‘cracolândia’ no centro de Maringá

Uma ação conjunta entre Guarda Municipal, Secretaria de Trânsito e Assistência Social e Cidadania de Maringá, visando impedir que as proximidades do Albergue Santa Luiza de Marillac se transforme em uma ‘cracolândia’, está em andamento. As ruas e avenidas do entorno do Albergue são costumeiramente usadas por pessoas em situação de rua, e este fato tem atrapalhado o comércio e deixado certa insegurança para a região. A intenção da ação é verificar se existem no local foragidos da Justiça ou criminosos, além de orientar e encaminhar para atendimento quem precisar. A maioria das pessoas em situação de rua, são de cidades da região que acabam se concentrando em Maringá. Apenas nos primeiros momentos da operação, a GM deteve um rapaz que tinha sem eu desfavor mandado de prisão. Ele conversou com a equipe de reportagem da Rede Massa, e afirmou que “só estava passando vergonha, já que o mandado, segundo ele, estava revogado”. “Ontem mesmo a Polícia Militar me abordou e puxou meu nome e viu que não tinha nada”, disse. Glaucio Sales Junior Tavares, tem 22 anos e é de Uniflor. A Guarda Municipal encaminhou o rapaz à 9ª Subdivisão Policial, para verificação da situação. “Já, já eu saio”, afirmou ele. Colaboração Índio Maringá/Marcos Vinícius/Rede Massa

Nenhum comentário: