terça-feira, abril 25, 2017

Adolescente de Sarandi estava na 13ª etapa do jogo Baleia Azul

Um adolescente de 16 anos, de Sarandi, foi ‘salvo’ do jogo Baleia Azul pelo intermédio de uma professora, que percebeu cortes e o desenho de uma baleia nos braços do jovem. Ela acionou o Conselho Tutelar, que passou a acompanhar o caso. De acordo com as conselheiras Rosângela Lira e Shirley Andrade, o menor já estava na etapa 13 de 50. “Ele iria executar a 13ª tarefa”, diz, Shirley. Rosangela comentou que a mãe do rapaz ficou apavorada. “Ela se desesperou porque não tinha percebido nada. É um alerta para todos os pais, pois hoje em dia, os jovens têm o hábito de passar muito tempo fechado no quarto, com muitas horas de acesso à internet pelo celular e computador”, comenta. “É importante saber o que os filhos estão fazendo”. A conselheira também alerta para outros sinais, referentes ao jogo. “As tarefas desse jogo são cumpridas na madrugada, preste atenção se o filho está levantando às 4 da manhã, se ele tem usado, por exemplo, roupas de inverno no verão, para encobrir cortes no corpo”, orienta. “Filhos são para sempre é preciso zelar por eles”. Colaboração Índio Maringá/Marcos Vinícius/Rede Massa

Nenhum comentário: