segunda-feira, junho 19, 2017

Homem que matou companheira a facadas é condenado a 14 anos de prisão

Alessandro Guimarães dos Santos, o Matuso, de 31 anos, foi condenado pelo Tribunal do Júri de Marialva por homicídio triplamente qualificado (feminicídio, motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima). Conforme o Ministério Público, ele matou a companheira com três facadas em 11 de novembro do ano passado. Em processo de separação e motivado por ciúmes, Santos atacou Kelen Cristina Paula Rodrigues, de 23 anos, no momento em que ela tomava banho. O casal morava na Rua Augusto Biaggi, no Centro da cidade. Depois de ferir a mulher no pescoço e no peito, ele fugiu em um táxi levando o filho do casal, de 4 anos. Santos se escondeu com a criança em Tamboara, região onde moravam parentes dele, mas acabou sendo localizado e preso preventivamente. Neste mês, ele foi condenado a 14 anos de reclusão em regime fechado. O Diário

Nenhum comentário: