sexta-feira, junho 02, 2017

Polícia Civil recupera material asfáltico que desapareceu de obra do DER

Investigadores da Polícia Civil de Umuarama realizaram a apreensão de duas cargas de material asfáltico fresado em um posto de combustíveis na PR-480. A apreensão aconteceu no final da manhã desta sexta-feira (02), após o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) registrar um boletim de ocorrência na Delegacia local. Segundo um engenheiro do DER, que acompanhou a ocorrência, uma quantidade do material asfáltico fresado desapareceu de um dos trechos em obra na rodovia PR-323. Ele informou que apenas o DER possui este tipo de material. Um funcionário do Departamento teria passado em frente ao posto de combustíveis e avistou que o material estava no pátio. Ele avisou seus superiores e um boletim de ocorrência foi confeccionado na Delegacia. Nesta manhã os policiais civis estiverem no posto e encontraram o material. O proprietário do estabelecimento informou que comprou as duas cargas de uma pedreira e inclusive apresentou notas relativas à aquisição do produto. A aquisição aconteceu há cerca de 15 dias. O empresário declarou ter nota fiscal e recibo de compra e venda e as apresentou aos policiais. “Vou me defender, apresentar na delegacia ou fórum, enfim no órgão competente, pois tenho o recibo de compra e venda”, alegou. Uma nota fiscal emitida pela pedreira, no valor de R$ 540,00 tem data de emissão e saída do produto em 30 de maio de 2017 e vencimento em 30 de junho de 2017. Já um recibo de pagamento, no valor de R$ 1.200,00, tem como data 23 de maio de 2017, sendo registrado no Tabelionato de Notas de Umuarama. Este seria relativo ao pagamento de duas cargas do produto. Os investigadores informaram que o proprietário do posto repassou o nome da pessoa que seria responsável pela venda do produto e esta deve ser intimada para esclarecer a situação. O delegado responsável abrirá inquérito para apurar o caso. Ninguém foi preso. O DER levou equipamentos para o local e recolheu o material, que vai voltar para as obras da rodovia. Com informações do site OBemDito

Nenhum comentário: