sexta-feira, dezembro 15, 2017

Dois são presos suspeitos de tráfico de drogas no Conjunto Requião

Após dois meses de investigação, a Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) prendeu dois homens com drogas no Conjunto Requião, em Maringá, nessa quarta-feira (13). Maconha, cocaína e haxixe foram apreendidos. A Denarc passou a investigar Rodney Jefferson da Silva, 47 anos, pela suspeita de que ele comercializaria drogas por meio de um "disk-entrega". Nessa quarta-feira, os policiais da Denarc foram até o imóvel em que o suspeito reside e se depararam com Alisson da Silva, 23 anos, também suspeito por tráfico de drogas. De acordo com a Denarc, Alisson pegava droga com Rodney para vender para terceiros. Os dois foram abordados na saída da casa. Alisson estava com uma sacola nas mãos que continha dez tabletes de maconha, que pesaram 380 gramas. Ao revistar a casa de Rodney, foram localizados 750 gramas de maconha esfarelada - da mais pura que existe, segundo a Denarc -, um tablete de maconha de 760 gramas, uma porção de haxixe de 16 gramas, uma porção de cocaína de 145 gramas e duas balanças digitais. Dentro da geladeira ainda foram encontrados seis tabletes de maconha, com 675 gramas. Um dos tabletes de maconha tem o desenho do deputado Jair Bolsonaro (PSC). Um simulacro de arma de fogo, produzido artesanalmente, também foi apreendido. Alisson e Rodney foram levados para a Denarc e os policiais ainda encontraram cinco buchas de cocaína no tênis de Alisson. O Diário

Nenhum comentário: