terça-feira, janeiro 23, 2018

Operação da PC fecha bar que funcionaria como ponto de tráfico

Uma operação da Polícia Civil (PC), em Califórnia, resultou na prisão de duas pessoas, donas de um bar que funcionaria como ponto de venda de drogas, na saída da cidade. Além das prisões, a polícia apreendeu drogas, celulares, dinheiro e fechou o local, por não apresentar condições mínimas de higiene. A operação foi na sexta-feira (19), no bar que fica às margens da BR-376, na saída para Curitiba. A investigação foi comandada pela 17ª Subdivisão Policial, contando com investigadores de Apucarana, Califórnia, Jandaia do Sul e Marilândia do Sul), que obteve mandados de busca e apreensão para o local – sobre o qual já haviam sido registradas várias denúncias por tráfico. Segundo as denúncias, o local funcionava como um local de venda e uso de drogas e, além disso, a própria família dos donos morava no bar, inclusive com os filhos, que ainda são crianças. Em vídeo divulgado pela própria Polícia Civil (assista abaixo), o delegado da 17ª SDP, Aparecido Jacovós, critica o suposto bar, que, mesmo para comércio legal, não poderia funcionar, já que estava extremamente sujo. "Isso aqui, diz que é um bar, não tem alvará. Nós vamos lacrar isso aqui e não vai funcionar enquanto não tiver alvará, tudo regularizado. Não tem como funcionar um local desses, com crianças dormindo neste estabelecimento, sem nenhuma condição [de higiene]". A operação começou cedo e resultou na abordagem de vários usuários de drogas. "Chegamos seis horas da manhã e já tinha usuário comprando droga, imagine durante o dia, como não deve ser isso aqui", questiona Jacovós. Ao todo, a polícia apreendeu 16 aparelhos celulares, porções de crack e aproximadamente R$ 1.000 em dinheiro trocado. O dono e a dona do "bar" foram levados à delegacia, para a autuação por tráfico de drogas, e o local foi fechado. O Diário

Nenhum comentário: