terça-feira, março 06, 2018

Mulher é suspeita de tentar matar companheiro a golpes de facão

Uma mulher foi levada para a delegacia nesta terça-feira (6), suspeita de ter tentado matar o companheiro, um homem de 51 anos, a golpes de facão, na casa onde moravam, na área rural de Paiçandu. Ela nega que tenha cometido o crime. O homem está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no Hospital Metropolitano de Sarandi, devido à gravidade dos ferimentos. Ao entrar em contato com a companheira da vítima, a polícia verificou que ela tinha um mandado de prisão em aberto por atear fogo em uma residência. A mulher foi encaminhada para a delegacia, e é suspeita de ter esfaqueado o homem. Ela nega que tenha cometido o crime, e relatou que a vítima pode ser se envolvido uma briga, e que costumava “levar mendigos para casa para beber”. Ela contou que as discussões eram frequentes entre o casal, motivadas por “cachaça”, mas que não estava na cidade no dia da tentativa de homicídio. O casal está junto há oito anos. Colaboração Índio Maringá/ Rede Massa

Nenhum comentário: