quinta-feira, março 29, 2018

Polícia tem suspeitos de homicídios com corpos carbonizados em Altônia

As investigações sobre os dois corpos encontrados carbonizados em Altônia na última quinta-feira (22) seguem em andamento. O inquérito, conduzido pelo delegado de Pérola, Izaías Cordeiro de Lima, ganha o reforço do delegado de Altônia, Reginaldo Caetano – que estava de férias e volta para contribuir na tentativa de resolução do caso, que tem tirado a tranquilidade da comunidade. Curta nossa página no FACEBOOK e saiba de todas notícias de Cianorte e Região Os dois corpos, de um homem e de uma mulher, foram encontrados no início da manhã de quinta na carroceria de uma picape Strada incendiada, na zona rural da cidade. A suspeita é de que sejam do empresário Valdir Brito Feitosa, 31 anos, e da estudante e Miss Altônia, Bruna Zucco, 21 anos. Os dois estão desaparecidos. O delegado Reginaldo confirmou que a polícia civil tem uma linha de investigação definida, o que deve agilizar a resolução do caso. Além disso, existem suspeitos de terem cometido o duplo homicídio – os nomes não foram divulgados. Na tarde desta quarta o delegado Reginaldo inclusive esteve em uma cidade da região em busca de informações sobre suspeitos. Reginaldo ainda falou que aguardava para esta tarde familiares de Bruna Zucco para fazer o reconhecimento de uma correntinha e um anel que foram encontrados junto a um dos cadáveres. É este mesmo corpo que possuía próteses de silicone nos seios e acredita-se ser da miss, apesar da família dizer que a jovem não tinha próteses. REFORÇO Duas equipes do Cope (Centro de Operações Policiais Especiais) de Curitiba estão em Altônia desde a terça-feira (27). A presença do reforço especializado foi solicitada pelo delegado chefe da 7ª Subdivisão Policial de Umuarama, Osnildo Carneiro Lemes, para garantir maior segurança para a comunidade e ajudar os delegados no cumprimento de ações que possam levar ao desenrolar do caso. Fonte: O Bem Dito

Nenhum comentário: