sábado, abril 07, 2018

Homem é condenado a mais de 29 anos de prisão por feminicídio

Numa sessão que se estendeu por nove horas, o Tribunal do Júri de Loanda condenou nesta quinta-feira (5), a 29 anos, três meses e 23 dias de reclusão um homem que cometeu feminicídio contra uma adolescente de 13 anos. O caso aconteceu no município de Santa Cruz de Monte Castelo, em 8 de agosto de 2015. De acordo com as investigações, o réu tinha um relacionamento amoroso com a vítima e a matou com um canivete após ela informar que estava grávida. Em seguida, escondeu no meio de uma mata o cadáver, que só foi encontrado cinco dias depois. Representou o Ministério Público no Júri a titular da 1ª Promotora de Justiça da comarca, Vera de Freitas Mendonça, que atuou no processo desde o oferecimento da denúncia. Os jurados acolheram as acusações de feminicídio, ocultação de cadáver e estupro de vulnerável. Massa News

Nenhum comentário: