segunda-feira, abril 23, 2018

Menina indígena morre após ser atropelada em avenida de Maringá

A Prefeitura de Maringá confirmou, na tarde deste domingo (22), a morte de uma menina indígena de quatro anos, que foi vítima de atropelamento na noite deste sábado (21) na Avenida Guaiapó. Ela foi atingida por uma motocicleta. A administração municipal divulgou uma nota na qual o prefeito Ulisses Maia lamenta a morte da criança. De acordo com a prefeitura, a menina estava na Casa do Índio - que abriga grupos indígenas em trânsito pela cidade - e saiu do local, acompanhada pela mãe, para ir até um comércio nas proximidades. A menina teria largado a mão da mulher e tentado atravessar a avenida, sendo em seguida atingida pela moto. O Samu foi acionado e levou a vítima para o Hospital Universitário, com traumatismo craniano grave. A criança chegou a ser transferida para o Hospital Metropolitano, em Sarandi. No entanto, a morte clínica foi constatada por volta das 13 horas deste domingo. A Prefeitura de Maringá informou que faz os preparativos para o traslado do corpo da criança para Ortigueira, onde será sepultado no cemitério da aldeia. Antes disto, o corpo ainda será encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) e, em virtude disto, não há previsão de liberação do mesmo para o sepultamento. Colaboração Célia Martinez / Rede Massa/Foto André Almenara

Nenhum comentário: