segunda-feira, maio 21, 2018

‘Darth Vader’ é o novo 'integrante' da Polícia Rodoviária Estadual

O cãozinho Darth é o novo integrante da equipe dos Policiais Rodoviários da 4ª Companhia, Posto Rodoviário de Cruzeiro do Oeste. O vira-latas foi abandonado às margens da rodovia. Arisco e com marcas e sintomas de maus tratos, ele ganhou a simpatia e a compaixão dos patrulheiros, que o adotaram e estão cuidando dele. O cachorro negro de porte grande apareceu no Posto Rodoviário há cerca de três meses, magro e muito assustado. “Ele tem medo das pessoas. Acreditamos que ele tenha sido maltratado. Antes, não conseguíamos nem chegar perto. Mas com atenção, carinho e alimentação adequada ele está se ambientando”, disse um dos policiais que ajuda a cuidar do cão. O nome Darth é em homenagem ao personagem de Guerra nas Estrelas, Darth Vader, devido a sua pelagem, negra e brilhosa. Os patrulheiros se revezam nos cuidados com o novo amigo e todos colaboram para comprar sua ração. O cãozinho já ganhou até um lugar para dormir e cobertores quentinhos para se proteger do frio. O vira-latas não é o primeiro animal abandonado na estrada que é acolhido pelos policiais. Dentinha, uma cachorra também sem raça, foi encontrada com o maxilar quebrado há cerca de 8 anos. Recuperada, hoje ela é uma cachorra idosa, tratada com todo carinho por todos da corporação. Abandonar animais é crime Os policiais rodoviários alertam que abandonar animais em rodovias é crime. O artigo 32 da Lei 9.605/98 determina detenção de três meses a um ano e multa a quem praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos ou realizar experiência dolorosa ou cruel em animal. Caso seja flagrada, a pessoa que estiver abandonando um animal, em estradas ou quaisquer vias públicas, é encaminhado à delegacia de polícia mais próxima para as devidas providências legais. O cidadão também pode denunciar o abandono ou maus-tratos a animais, através dos fones 190 e 181, para as Polícias Civil e Militar. Abandonar animais é cruel e desumano. Nas rodovias então, é pior ainda, pois eles correm ainda mais risco de serem atropelados e mortos. “Se flagrados no nosso trecho, o responsável vai responder de acordo com a Lei”, reitera o policial. Colaboração O Bemdito

Nenhum comentário: