terça-feira, maio 22, 2018

Família de pastor que morreu em acidente recebe alta hospitalar



A familia do advogado e pastor Elizeu de Carvalho já saiu do Hospital Santa Rita de Maringá. A esposa Cintya, e os filhos Gabriela, Rafaela e Augusto, receberam alta do hospital no final da manhã desta terça-feira (22) para acompanhar o velório e o sepultamento de Elizeu que sofreu um acidente de carro na noite de domingo (20) no cruzamento das avenidas Cerro Azul com Guedner. Durante o velório que aconteceu na igreja Assembleia de Deus, na zona 7, a esposa de Elizeu que fraturou a perna sentada em uma cadeira de rodas ao lado do caixão. Os três filhos do casal que estão se recuperando dos ferimentos e do trauma de ter perdido o pai já estão recebendo atendimento psicológico. Elizeu de Carvalho foi sepultado no final da tarde no Cemitério Parque de Maringá. Elizeu de Carvalho, filho de Sibila Carvalho e Deodoro Alves de Carvalho (in memorian), nasceu em Maringá no dia 12 de dezembro de 1965, casado com a professora Cintya, Conselheira Tutelar em Maringá com quem tem três filhos, Augusto, Rafaela e Gabriela. Irmão dos advogados Neri e Almeri Pedro de Carvalho ex-vereador de Maringá e Roseli (in memorian). Pastor evangélico, ex-presidente da OPEM – Ordem dos Pastores Evangélicos de Maringá, e membro por diversas gestões da mesa diretora da OPEM, cresceu e serviu na Igreja Evangélica Assembleia de Deus, onde se batizou, foi músico na adolescência e juventude tocando na Banda de Música do Templo Central da AD Maringá, nos anos oitenta passou a cantar no Grupo Gênesis, barítono, tendo participado da gravação de seu primeiro disco, na década de noventa passou a pastorear como missionário uma congregação da Igreja Missão Apoio em Maringá, onde exerceu a maior parte de seu ministério. Advogado, Bacharel em Direito pela Universidade Estadual de Maringá, como advogado militante em Maringá, também atuou politicamente em nossa comunidade, tendo sido candidato a vereador, também foi Procurador Geral da Câmara Municipal de Maringá nos anos de 2013 e 2014, exerceu a advogacia também servindo e colaborando com diversas entidades assistenciais e comunidades terapêuticas para recuperação de dependentes químicos e igrejas, e pessoas menos favorecidas em nossa cidade, apoiava com seu voluntariado a Missão Renovar e servia como presidente o SER em Maringá. André Almenara

Nenhum comentário: