sexta-feira, junho 01, 2018

Duas mortes no trânsito são registradas em menos de 12 horas

Depois de uma semana tranquila, devido ao menor número de veículos circulando, por causa da greve dos caminhoneiros, Maringá registrou duas mortes no trânsito em menos de 12 horas, entre a noite de quarta-feira (30) e a madrugada desta quinta-Feira (31). No início da noite de quarta-feira (30), Carlos Alberto Pereira de Souza, de 58 anos, foi atropelado quando tentava atravessar a avenida Colombo, próximo à avenida 19 de Dezembro. O pedestre usava um capacete na hora e seguia para pegar a moto que estava estacionada. Mesmo com o equipamento de segurança, ele morreu no Hospital Santa Rita, logo depois de dar entrada. O motorista da Pajero, que se envolveu no acidente, permaneceu no local e prestou todo o atendimento necessário. Cerca de nove horas depois, por volta das 4h desta quinta-feira (31), João Paulo Gonçalves da Silva, de 30 anos, perdeu o controle da direção de uma motocicleta Hornett e bateu contra uma árvore. Ele morreu na hora. O acidente foi na rua José Toral Querubim, no Jardim Paulista. O motociclista voltava de uma festa na casa de parentes. A irmã e o cunhado da vítima seguiam logo atrás. Segundo eles, João passou por um desnível e se desequilibrou. Ele era morador de Sarandi e havia comprado a moto há menos de dois meses. Com informações de Silvio Rocha/Rede Massa

Nenhum comentário: